Arquivo | Eventos RSS feed for this section

Festival de Cinema Tcheco, no Brasil

6 out

Neste mês o CCBB apresenta uma Mostra de Cinema Tcheco. Começou hoje, em Brasília, depois vai para São Paulo e Rio de Janeiro. Aproveitemos a deixa, então, pra fazer a recomendação e falar um pouco do que poderá ser visto – e de cinema tcheco em geral! Já assistimos só alguns dos filmes que estarão no festival, mas parece que vai ser bem representativo, apesar de pequeno.

O cinema tcheco, até onde pudemos ver e ouvir falar, é bem representado por comédias dramáticas – histórias engraçadas mas meio perturbadoras, ou histórias dramáticas com personagens engraçados… o que eles chamam de ‘riso amargo’, ou algo assim.

Continue lendo

Atualizações rápidas, enquanto o jantar fica pronto!

24 jun

Faz tempo que não postamos nada novo, né? Pois é. Então, sem mais nem menos, resolvi colocar algumas coisas aqui.

O verão

O verão chegou oficialmente, embora esses últimos dias estejam mais frios e chuvosos do que estava na primavera – e muito menos calor do que no ano passado, o que não é necessariamente uma má notícia porque no ano passado o calor foi de matar. O que é preocupante é que nos últimos fins de semana (e neste parece que vai ser igual) está fazendo tempo ruim, vento frio e chuva. Desse jeito, como vão ficar nossos planos de ir catar morango!?

Continue lendo

Festivais de cinema em Praga

17 mar

Post rápido para descontar que está um tanto atrasado! Eu já falei sobre filmes rodados em Praga, agora falemos dos que são exibidos aqui – particularmente nos muitos festivais.

Pois então: há vários festivais de cinema em Praga. Acontecem em geral anualmente, cada um sempre na mesma época. Pensei até em escrever sobre festivais em geral, mas aí seria necessário um artigo bem grande… então, fiquemos por enquanto com os de cinema.

Os festivais internacionais aqui em Praga geralmente têm algumas características em comum: os filmes são legendados em inglês e tcheco (ou em só um dos idiomas, quando o original é inglês ou tcheco). Mas há exceções então é bom conferir na programação. Os sites dos festivais também costumam ser bilíngues e dar sinopses, às vezes permitem assistir trechos dos filmes, comprar ingressos, etc.
Continue lendo

Revolução

17 nov

Eu não sou muito bom com História. Fazer o quê. Sempre confundo a ordem dos eventos, os nomes, as datas… e tirando isso, o que mais tem?

Tá, tem mais. Contextualmente. Conceitualmente. Etc.

Mas enfim: o fato é que desde o ano passado, quando meu interesse pela história da República Tcheca brotou praticamente do nada, eu sempre confundo a Primavera de Praga e a Revolução de Veludo. O que mais ajudou a separar uma da outra e fixá-las na cabeça foi que, no ano passado, eu participei da Revolução de Veludo! Tudo bem, foi só uma comemoração, não uma revolução… mas isso fica para daqui a pouco.

(Aproveito a deixa para dizer que resolvemos mudar um pouco o visual aqui do blógue: agora, os posts aparecerão só parcialmente na página principal. Para ler tudo, clique no “Continue reading” que estará logo antes das etiquetas.) Continue lendo

Independência da Indonésia

19 ago

Uma das coisas mais legais de morar fora do país de origem é conhecer gente de tudo quanto é canto. E se você é estrangeiro as chances são de que outros estrangeiros farão parte de seu círculo de amizades. Este é o nosso caso agora. Conhecemos um casal paquistanês, um casal indonésio e outro alemão. Na terça-feira fomos convidados pela amiga para a celebração na embaixada da independência da Indonésia. Fiquei animada porque no panfleto que ela havia me enviado dizia que não apenas haveriam comidas típicas (eu já me interessei nessa parte), mas também danças e uma apresentação de marionetes.

A embaixada Indonésia estava toda decorada com bandeiras, guarda-sóis e um palco bastante elaborado. No palco haviam músicos tocando músicas típicas das diversas regiões indonésias. Mal chegamos, já procuramos a fila da sopa (com almôndegas feitas de coração e fígado de boi) porque o dia estava frio de danar.  Já estávamos nos dando por satisfeitos quando descobrimos que às 20:30 seria servido um jantarzão para comemorar o fim do jejum do dia (este é o mês do ramadã). Comemos um delicioso curry de bife, digno da minha mãe. Meu estômago tá chorando pedindo mais, só de lembrar.

Tcheco apresentando uma das danças típicas da indonésia.

Continue lendo

Pražská Muzejní Noc

18 jun

Não você não leu errado, eu escrevi em tcheco mesmo. Lê-se prajská muzeiní nots.

No dia 12/06 teve aqui um evento fabuloso: a noite dos museus em Praga. Apesar de não ser tão comprida e extensa como a de Amsterdam (como os Ducs haviam comentado conosco quando nos fizeram uma visita), ainda assim, para uma novata como eu, foi muito bom!

Na noite dos museus, que ocorre uma vez por ano, diversas instituições museológicas abriram suas portas gratuitamente para os visitantes terem acesso às suas exposições e acervos entre 19 e 01 hora. O transporte entre as instituições também foi gratuito, providenciado pela própria cidade que criou linhas especiais e forneceu ônibus para a noite. Ao todo foram 53 atrações, entre as quais o castelo de Praga e suas galerias, o museu nacional, a galeria nacional.

No início havíamos feito uma lista com as exposições que achamos que seriam muito interessantes de ver. Mas aí, nos lembramos da nossa conversa com os Ducs, que nos deram a dica de fazer uma lista pequena, com uns 3 museus para visitar, porque mais do que isso não daríamos conta. A dica foi preciosíssima, porque fizemos a nossa lista com os três museus, mas acabamos ficando só em um: no Veletržní palác (traduzindo fica algo como “fair trade palace”), o museu com a maior coleção de arte moderna e contemporânea de Praga. E é imenso mesmo: 4 andares gigantescos! E foi de graça! E o melhor, é que foi super fácil de chegar nele de bonde!!!!


ela está aqui em Praga!

Continue lendo